A prostituta enferma e o sexo doente


Depois de passar quase a semana toda doente, recentemente retomei as atividades sexuais e só agora estou reanimando meu perfil de blogueira. Tive que fazer hora extra no trabalho, principalmente no final de semana, para compensar os dias que fiquei apegada apenas aos meus cobertores. Pelo que fui informada pela minha cafetina, alguns clientes sentiram minha falta, mas nem por isso deixaram de fazer sexo com minhas outras colegas. O ideal seria todos ficarem em abstinência sexual para eu poder compartilhar com alguém aqueles momentos entediantes, quando sinto que a mão e o vibrador são meus únicos companheiros. Como minha xana não tem nada de muito especial, em vez de me esperar foram atrás das prostitutas saudáveis.

Bom, fato é que meu estilo de vida é inadequado para uma mulher que queira viver mais de cem anos. Diante de minha plena juventude, felizmente gozo de uma saúde equilibrada, de modo que não estou acostumada com essas intempéries que desviam minha vida para um marasmo de continência. Voltei a assistir alguns animes (então, sou uma garota um pouco nerd) e alguns vídeos pornôs (então, sou uma garota muito tarada). Deduzindo que o leitor não deva se interessar muito por desenhos animados, vou falar dos vídeos pornôs. Geralmente, consumo aqueles com temática sadomasoquista especialmente para vislumbrar a expressão de sofrimentos das submissas. Mais excitante até do que descobrir meu ponto G, foi conhecer o Torrent:  aplicativo que, combinado ao estímulo do clitóris, gera orgasmos certos. Meu acervo de pornografias cresceu muito nesses últimos dias, mas ainda assim é bem limitado.

Assim que minha saúde melhorou, fui satisfazer minha vontade de dar. O primeiro programa foi uma lástima, porque não estava suficientemente recuperada. Soltava umas tossidas quase tuberculosas, e o cliente nem se importava. Se eu fosse um pouco sensata, teria parado o programa, contudo, como meu corpo clamava por sexo, fui deixando-o prosseguir com a penetração até gozar. Só consegui extrapolar mesmo no final de semana. Sábado foram sete consumidores diferentes. Sem querer contar vantagem, poderia até ter dado (e aproveitado)  mais se eu estivesse embriagada, mas o consumo alcoólico está proibido enquanto estiver tomando antibiótico. De qualquer forma, o importante é que saciei meu apetite. E no domingo, voltei a me agarrar por horas com o meu cobertor.

(Sobre a autora, clique aqui)

Anúncios

7 comentários sobre “A prostituta enferma e o sexo doente

  1. Perguntinhas básicas:VC COSTUMA GOZAR COM CLIENTES? O QUE FAZ COM QUE ISSO ACONTEÇA, ALGO ESPECIAL? VC VALORIZA A FIDELIDADE DE UM CLIENTE OU ELE PODE TREPAR COM SUAS COLEGAS?O QUE MAIS TE ATRIA NUM CLIENTE?VC DEMONSTRA PARA UM CLIENTE QUE GOZOU COM ELE OU NÃO??BJJSSS

    • Respondendo o questionário:
      Você costuma gozar com clientes?
      Por dia, eu sempre gozo com pelo menos um cliente.
      O que faz com que isso aconteça, algo especial?
      Quando tem algum fetiche com o qual eu me simpatizo e quando me sinto bem abusada e humilhada.
      Você valoriza a fidelidade de um cliente, ou ele pode trepar com suas colegas?
      Eu não sou muito apegada aos meus clientes, então não me incomoda quando eles procuram as minhas colegas. Contudo, se eles a procurarem várias vezes e não falarem mais comigo, eu fico me perguntando o que será que a outra gp fez de tão encantador. Mas é só por curiosidade mesmo…
      O que mais te atrai num cliente?
      Eu gosto quando o cliente manifesta muito tesão por mim, mas sem agir como um animal reprodutor.
      Você demonstra para um cliente que gozou ou não?
      Se eu não gozar, quase sempre simulo um orgasmo. O cliente sempre tem que sair do quarto confiante.
      Beijinhos e já fico à disposição para outras perguntas!

Compartilhe também sua opinião

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s